quarta-feira, 26 de março de 2014

Eu Testei: BB Cream Balm Multifuncional Vult Make Up


Hola chica!

Estou devendo essa resenha há um bom tempo já. Mostrei esse BB Cream no Instagram (siga-me os bons!) e algumas gilrs ficaram curiosas sobre sua eficiência. Prometi postar no blog, mas acabei colocando outros posts na frente. Agora vai!!!

Apresentando: BB Cream Balm Multifuncional Vult Make Up. 30ml. Cor: Marrom. Fabricante: Vult Cosmética. País de origem: Brasil.


Preço? Paguei R$ 29,90 no site Farmagora, mas já vi mais barato em outros lugares.

O que promete? Com formulação enriquecida pelo ativo AntiOx-3D (ação antioxidante que ajuda a combater os efeitos nocivos dos radicais livres), o produto é um multifuncional de toque seco que uniformiza o tom da pele, disfarça imperfeições e poros, protege da ação dos raios UVA e UVB (FPS 35) e proporciona hidratação por até 8 horas, mantendo a pele com aspecto natural e uniforme. Dermatologicamente testado, é livre de óleos e parabenos. *Informações retiradas do site do fabricante

Modo de usar? Para aplicar, vire a válvula pump para baixo sobre o dorso da mão, pressionando-a delicadamente até obter a saída do produto. Com a ajuda de um pincel ou com a ponta dos dedos, aplique sobre a pele limpa e seca.


*Informações e imagem retirada do site do fabricante


Minha avaliação: Tantos problemas com esse BB Cream que não sei nem por onde começar...


Antes de comprar esse BB Cream, pesquisei um pouco em sites e blogs para saber se ele era  uma boa opção nacional. Haviam muitos elogios e exaltações, então pensei que seria uma boa... mas, ou eu sou muito chata e exigente ou as blogueiras por aí se encantam com qualquer porcaria. Porque vamos combinar? Como já escrevi aqui várias vezes, um bom BB Cream é um super hidratante com alguns bônus, tipo: a) proteção solar; b) efeito clareador da pele; c) disfarce de linhas de expressão, rugas e poros; d) anti-envelhecimento; e, não podemos deixar de fora, com cor. No post "BB Cream não é base!" tem maiores explicações sobre isso.

Acontece que o BB Cream Balm Multifuncional Vult Make Up é apenas um protetor solar com cor. E pra piorar, nem hidrata tão bem, visto que minha pele ficou bastante ressecada com o uso contínuo.

Esquerda: pele limpa e nua. Direita: usando o BB Cream.

Observando a imagem acima dá para notar o quanto o BB Cream cobre bem a pele, quase sumindo com algumas manchas e espinhas avermelhadas. Mas note também o quanto as linhas de expressão e os poros ficaram em evidência. A cor (Marrom) não é a ideal para minha pele, já que fiquei meio cinza. O__o Mas isso é o de menos, nada que um pó não resolva.

A textura do BB Cream Balm Multifuncional Vult Make Up é bem líquida, como uma base mesmo. Se não aplicar rápido na face,escorre tudo. Desde a primeira aplicação eu senti que não ia rolar hidratação ali.O BB Cream também deixou a pele lustrosa, com um brilho esquisito. E 1 hora depois a testa estava que era óleo puro. Traduzindo... não gostei nada nada desse balm.


Pra terminar de piorar a minha aversão, vem a válvula pump from hell. Esse é o treco mais desengonçado que já usei! Primeiro que você só consegue fazer sair algo da embalagem se fizer exatamente como manda o fabricante, de cabeça pra baixo, coisa que nunca vi em nenhum outro produto e que não é nada prático. E, a pièce de résistance, quando se aperta essa válvula, voa creme para tudo que é lado. Que maravilha!!! Meu lindo lençol branco que secava no varal (quem mora em apartamento seca as roupas em todos os cômodos) no quarto, que o diga. Ficou todo salpicado e teve de ser lavado outra vez. E a roupa que eu estava usando no dia também teve de ser trocada antes de sair.

Trocando em miúdos: uma decepção! Não sei mesmo o que as blogueiras viram nesse BB Cream. Na boa? Depois de usar balms da Missha, L'Oréal e Skin Food, não encaro mais esses hidratantes com cor não, viu? Se eu quisesse só maquiagem, usava apenas base mesmo!

Leva só 1  "Gigis-love" e só porque tem proteção solar de 35 FPS UVA e UVB.


Besos;



Protected by Copyscape Online Plagiarism Tool


sexta-feira, 21 de março de 2014

A garota vai ao cinema: 300 - A ascensão do império


Hey girl! Hoje é sexta-feira, o lindo fim de semana chegou e eu trouxe uma dica quente para se divertir, um filme para os bravos e fortes.


Título: 300 - A ascensão do império
Título original: 300: Rise of an Empire
Gênero: Ação , Fantasia , Épico.
Duração: 1 hora e 42 minutos
Origem: EUA
Estreia no Brasil: 07/03/2014
Direção: Noam Murro
Roteiro: Frank Miller, Zack Snyder e Kurt Johnstad (inspirado na HQ de Frank Miller)
Distribuidora: Warner Bros.
Produção: Warner Bros., Legendary Pictures, Hollywood Gang Productions, Cruel & Unusual Films e Atmosphere Entertainment MM LLC
Censura: 16 anos
Ano: 2014

Elenco: Sullivan Stapleton, Eva Green, Rodrigo Santoro, Lena Headey, Hans Matheson, Callan Mulvey, Jack O'Connell e Igal Naor.

Sinopse: Após a morte do pai, Xerxes (Rodrigo Santoro) dá início a uma jornada de vingança e ruma em direção à Grécia, com seu exército sendo liderado por Artemisia (Eva Green). Enquanto os 300 espartanos liderados por Leonidas tantam combater o Deus-Rei, os exércitos do resto da Grécia se unem para uma batalha com as tropas de Artemisia no mar. Themistocles (Sullivan Stapleton) é o responsável por liderar os gregos.

Assista aos traillers desse filme clicando AQUI!

Informações e imagens:


Minha opinião: É um filme que todo HQEH (Homem que É Homem) vai gostar! Muita violência, efeitos especiais de tirar o fôlego, cena de sexo e sangue. E eu gostei??? Sim, mas só depois que desisti de tentar casar a "estória" do filme com a "história" da Grécia. Acho que é uma premissa básica do cinema atual estragar todo o fundo histórico nas adaptações. Wathever...


O filme é uma continuação de 300 de Esparta, mas a trama se desenvolve antes, durante e depois da guerra dos desafortunados soldados espartanos de Leônidas. Tudo começa com a narração da rainha  de Esparta (vivida pela atriz que faz a rainha-bitch de Game of Thrones, da casa dos Lanister *odeio ela!*), contando como a Grécia inteira se uniu contra o rei Xerxes e seu muy numeroso exército persa.


Xerxes (personagem encarnado pelo lindo do Rodrigo Santoro) era um jovem príncipe normal que vê seu pai ser morto por Themistocles durante uma batalha. Desolado, ele é manipulado por Artemísia, a grande general-vagaba-de-sombra-mal-esfumada-e-dona-de-um-guardarroupas-rocker-deuso-de-morrer-de-inveja, que quer vingança contra a Grécia. Ela faz o Xerxes pirar na batatinha, ir pro deserto, entrar numa piscininha dourada e sair de lá se achando Vera Verão. Tá... não é bem assim, mas ficou bem parecido, não?

ALOKA!!!
Tirando meus exageros, Xerxes sai em uma busca espiritual e volta se achando o deus-rei da cocada preta. Com sede de vingança, Xerxes vai atrás da pequena guarda real de Esparta, liderada pelo próprio rei Leônidas (saga contada no primeiro filme). Enquanto isso, a cruel Artemísia vai atrás do resto do exército grego com seus trocentos navios.


Aí é só bagaceira, como você pode imaginar. Tem mais sangue que Mortal Kombat com código do mal, lutas em câmera lenta, cavalo andando sobre as águas, explosões sem precedentes, barcos rudimentares movidos à escravos dando ré em pleno alto-mar. Ou seja... muita mentira! Mas os efeitos especiais, a fotografia sombria e o estilo meio história em quadrinhos me fizeram não piscar os olhos durante a sessão. Assisti em 3D, mas não vi muita coisa que faça valer o preço altíssimo do Cinemark. Tinha umas poeirinhas por ali, uns jatos de sangue acolá, uma onda do mar... essas coisas. Mas o visual do filme é fera!

Pontos fortes:
  • O visual do filme é do jeitinho que eu gosto, meio sinistro, meio desenho animado. Um máximo!
  • Muito boy magia descamisado. Uhuuul!
  • Rodrigo Santoro tem mais de uma fala nesse longa. *rsrs*
  • A atuação de Eva Green é monstruosa! Super curto a atriz.
  • Efeitos especiais bem executados.

Pontos fracos:
  • Filme mentiroso de uma figa! Tem tanto absurdo que meu sobrinho ficou mal humorado na poltrona ao lado. Pode mentir, mas tudo tem limite!!!
  • Total descaso com os fatos reais da guerra entre Grécia e Pérsia.
  • Uma cena de sexo completamente desnecessária e constrangedora para quebrar a tensão do filme, seguida por piadinhas do personagem principal. Não curti!
  • Um personagem principal que não gera simpatia.
  • É impressão minha ou nos traillers dá a entender que o filme iria mostrar mais do Xerxes?
  • O tal do cavalo andando sobre as águas...
  • Uma explosão gigantesca que não matou e só causou umas queimadurinhas no mocinho.


E esse é o meu ponto de vista. Trata-se de um filme que vale a pena ver, mas deixe o cérebro em casa.




Super beijo;



Protected by Copyscape Online Plagiarism Tool


quarta-feira, 19 de março de 2014

Eu Testei: Nivea Facial Tônico Adstringente Controle do Brilho


Oi, garota!

Depois da minha decepção com o Vichy Normaderm Tônico Adstringente, tratei de procurar outro tônico adstringente que controle esse oleoduto que chamo de rosto.

Apresentando: Nivea Facial Tônico Adstringente Controle do Brilho. 200ml. Fabricante: Nivea. País de origem: Brasil. 


Preço? Comprei por R$ 22,90 em uma farmácia perto de casa, mas já vi até por 20 realidades.

O que promete? Contém ativo regulador do brilho, com extrato natural de erva limão e arroz. É indicado para finalizar a limpeza diária da pele. Remove as impurezas, limpando e desobstruindo os poros, os resíduos da maquiagem e impurezas diárias. *Informações retiradas do site do fabricante

Modo de usar? Aplique com o auxílio de um algodão. Evite a área dos olhos. *Informações retiradas do site do fabricante

Minha avaliação: Esse sim fez minha cabeça, aliás, minha pele! E o melhor? É baratinho! ^^


Pra começar, preciso explicar que essa embalagem é antiga e foi revitalizada pela marca.  O layout atual é esse aqui:
Então não vou me ater à embalagem, mas preciso dizer que é resistente e me serviu muito bem.


Vamos nos concentrar na fórmula, que tem extrato natural de erva limão e arroz, não contém álcool e funciona bem pra caramba, obrigada. Esse foi o tônico que mais se adequou á minha pele. Não resseca, não deixa ela escamosa, não tem cheiro forte (aroma comum dos produtos Nivea) aaaaand segura a oleosidade por horas e horas. Yeeeey!

Lavo o rosto, aplico o Nivea Facial Tônico Adstringente Controle do Brilho com um disco de algodão, hidrato a pele e tcharãããã: pele sequinha e sem brilho por umas 4 horas. Isso é algo que todas as moçoilas de pele mista e oleosa reconhecem como sucesso. Depois disso a pele brilha um pouco, mas não é nada de outro mundo não. Nada que um bom pó facial não resolva.

Esse tônico é a minha alma gêmea! hehehe I love you, Nivea!!! Leva 5 "Gigis-love", esse bonito:

Você já experimentou esse tônico? Tem um tônico facial xodó? Me conta aí nos comentários, please!



Super beijo;



Protected by Copyscape Online Plagiarism Tool


sexta-feira, 14 de março de 2014

O dia da garota: Desafio do chocolate


Oláááááá, garota!

Hoje é sexta-feira, dia de alegria! Uhuuul! E pra comemorar esse dia lindo, ensolarado e quente (pelo menos aqui no quadradinho), trouxe o vídeo que Lila e eu gravamos. Morra de inveja, a gente se esbaldou no chocolate! *rsrs*

Espero que se divirta com nossas caras e bocas e com essa blogueira maluca que não consegue diferenciar chocolate branco de chocolate ao leite.  \o/

✿ Gostou do vídeo? Então curte e compartilha, tá? ✿

✿ Não esqueça de se inscrever no Canal O dia da garota!
✿ Canal do Vai Garota! no You Tube: http://www.youtube.com/user/gilizarda


E com essa visão quase pascoal, me despeço. Ótimo fim de semana para você!!!


Beijocas achocolatadas;



Protected by Copyscape Online Plagiarism Tool


quarta-feira, 12 de março de 2014

Hypnotic Poison, o meu perfume preferido!


Bonjour fille! (me arriscando em novas línguas! *rsrs*)

Percebi um dia desses que nunca tinha mostrado aqui no blog o meu perfume mais querido. Que vergonha, não? Mas não tem problema não... eu mostro agora! Apresento o Hypnotic Poison, a famosa fragrância da Dior.

Uma borrifada e me imagino uma princesa de contos de fada, delicada e inofensiva. Logo que a pele esquenta e a fragrância evolui, a suave menina se transforma, cresce, domina, torna-se uma feiticeira. Não uma velha enrugada e com verrugas, mas uma soberana poderosa, envolvente, voluptuosa e letal. Em sua mão um veneno que homem algum irá resistir, algo realmente hipnótico; uma poção do amor a que o sexo masculino não consegue nem quer resistir.


Segundo o site Fragrântica, Hypnotic Poison de Dior é um perfume Oriental Baunilha Feminino. Hypnotic Poison foi lançado em 1998. O perfumista que assina esta fragrância é Annick Menardo As notas de topo são damasco, ameixa e coco. As notas de coração são tuberosa, jasmin, lírio-do-vale, rosa, pau-brasil e alcarávia. As notas de fundo são sândalo, amêndoa, baunilha e almíscar.

Trata-se de um eau de toilette com alta fixação e duração prolongada (pelo menos em mim). É uma fragrância forte, doce, profunda, provocante, sexy, feminina, fatal e doce (de novo que é pra reforçar!). Não é pra qualquer mulher não, viu? Apesar de ser doce, delicada e cremosa- graças à baunilha -, tem um fundo muito sensual e quente.


É um perfume para uma mulher confiante, sedutora, com feminilidade para dar e vender. É para aquelas que não abusam do vaporizador também, porque apenas uma borrifada na nuca e nos pulsos já é suficiente. Não pode haver exagero ou há o risco de sufocamento. Como Hypnotic Poison, menos é mais!

Quem quiser se aventurar com essa fragrância deve ser criteriosa, não usá-lo em dias quentes e abafados. Quanto a mim, prefiro usar à noite, em eventos elegantes. Também é meu perfume pra namorar (se é que me entendem...). Nada de balada, festa muito cheia, verão... é um perfume invernal, para ser usado com parcimônia, até mesmo para não agredir o olfato alheio e não causar dor de cabeça. Muita gente por aí confunde e usa no dia a dia... acho de extremo mal gosto! E desperdício, né? Porque o preço dele é bem salgadinho, em torno de 150 à 200 reais o frasco de 30ml (o meu é de 50ml).


Em mim, as notas que se sobressaem são a baunilha e o jasmim. Sinto a madeira, mas lá no fundinho. Adoraria sentir o coco, mas na minha pele não surge mesmo. Mas, como uma amante de perfumes doces e baunilha, não tenho do que reclamar. É perfeito para mim!

Agora me conta... ficou com vontade de experimentar essa poção mágica?


Bisou;



Protected by Copyscape Online Plagiarism Tool


quarta-feira, 5 de março de 2014

Liquid Eye Metallic Eye Liner Pencil Aqua


Oizinho, garota!!!


Apresentando: Liquid Eye Metallic Eye Liner Pencil. Peso: 1.2g. Fabricante: Milani Cosmetics. País de origem: Alemanha.


Preço? Comprei por 6 dólares e 99 centavos na Nonpareil Boutique, mas também vende na Taurik.

O que promete?  Aplicação suave, fácil de alcançar um visual arrojado, líquido. Desliza facilmente e permanece no local, é à prova de manchas e tem longa duração. É 100% livre de parabenos. *Minha tradução tosca do site do fabricante.

Modo de usar? Aplicar sobre a pálpebra. Dispensa o uso de pincel.

Minha avaliação: Coismárlindiádimamãe!!!


Estava um dia de bobeira na extinta Yes! Asa Norte e dei de cara com esse lápis turquesa metálico lindo. Na minha pele amarelada o turquesa fica meio esverdeado, mas isso não me fez amar menos a cor.


Tem uma durabilidade incrível! Não borra e não "carimba" a pálpebra superior. A cor se mantém intacta, não esmaece mesmo.


Tenho usado muito, sobretudo em dias quentes. Fica divino no combo pele bronzeada + batom ou gloss laranja.


O bom é que esse lápis dispensa sombra. A textura é firme e desliza super bem, então fica fácil delinear os olhos.

Já estava super satisfeita com o Liquid Eye, mas resolvi combiná-lo com o Delineador com Glitter Celeste da Yes Make.up e ficou fantástico!


Tem como não amar? Tá colorido, tá Globeleza, tá Gi Lizarda, tá mara!!! hehehe Toma as 5 "Gigis-love" com honra ao mérito:

E você... o que achou do Liquid Eye Metallic Eye Liner Pencil Aqua?


Mega beijo;



Protected by Copyscape Online Plagiarism Tool


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...