segunda-feira, 27 de março de 2017

Me libertei dos penteados de festa em salões de beleza - Cacheada orgulhosa!


Hello girl!

Já se vão mais de 2 anos que eu não vou mais aos salões de beleza para me arrumar para festas e eventos mais formais. Não que eu tenha algo contra os salões, mas toda vez que me penteavam para uma ocasião especial, eu não me sentia eu mesma. Ainda que me fizessem cachos com babyliss ou qualquer outro apetrecho, não ficava "Gi". Sabe como é se olhar no espelho e não se reconhecer?

Somado ao fato de que a grana está cada vez mais curta, ir ao salão nunca me deixava plenamente satisfeita. Daí eu comecei a fazer sozinha (ou com ajuda do marido) os meus penteados de festa.

Não consegui achar o bendito nome do fotógrafo do casamento (coloco os créditos assim que puder)
A primeira vez que fiz isso, foi no casamento do meu irmão. Como não tinha muita prática, deixei o cabelo bastante lambido (kkkkk) e com aspecto molhado. Foi um coque lateral baixo bem simples. Eu cantei no casamento e saí em muuuuitas fotos.


No Natal de 2015 os meus cachos estava curtinhos, então coloquei uma headband de trancinhas dourada sobre o cabelo partido ao meio e prendi o rabo de cavalo baixo.


No casamento de uma colega de trabalho do marido, torci as mechas da frente da cabeça e prendi em um rabo de cavalo alto, depois voltei com os cachos para ficar como que um pompom volumoso.


Ano passado, em uma festa de formatura, voltei com o coque lateral baixo, mas dessa vez, com o comprimento maior, fiz com que os cachos formassem uma rosa no coque. Pena que a foto não mostra direito. Tava lindo!

Penteado cacheado preso apenas em uma lateral e uso de um acessório

Mês passado, no casamento do meu cunhado, fui convidada a ser madrinha. Pensei muito em voltar para as mãos de um cabeleireiro, mas no fim resolvi ir bastante EU MESMA. Então apliquei muito mousse modelador, deixei os cabelos secarem ao natural, bem cheios e cacheados. Em seguida, prendi apenas a lateral que tinha menos cabelo. Torci essa parte em duas mechinhas e prendi com grampos, depois fixei esse arranjo, que é um ramo de pequenos corações de cristal. Menção honrosa ao marido que me ajudou nessa parte mais delicada (obrigada, benhê!).

Cachos UAU!

E foi a melhor decisão da minha vida! Nunca me senti tão segura, bonita, poderosa. E isso se refletiu na minha imagem, pois recebi muitos elogios de como eu estava bela e ao mesmo tempo natural.

Os meus cachos são muito mais que só cabelo para mim. Eles são sim parte da minha identidade visual. A primeira coisa que as pessoas usam para me definir é: "aquela mulher/blogueira/moça/garota do cabelo beeeem cacheadinho". Nas raras vezes em que faço chapinha, os outros estranham, dizem que não gostaram, que os cachos são mais bonitos. Não que eu faça as coisas para agradar alguém além de mim, nesse quesito, mas é um ponto importante ser reconhecida pela beleza dos meus cabelos naturais. Então, se os meus cachos me dão confiança e elevam minha autoestima, cada vez mais mostro o que tenho de belo e bom. Autoestima é tudo! ♥

Agora, salão de beleza só para cortar os fios de vez em quando mesmo...


Kisses;





sexta-feira, 24 de março de 2017

Esmaltando: Pirulito Língua Azul


Olá, garota!!

Depois de uma longa jornada eu resolvi passar por aqui! A minha vida está muito corrida, eu casei, comprei casa, reformei a casa (que dor de cabeça rs), engravidei e tive uma linda princesa que se chama Ester. Então ainda não tinha conseguido parar para fazer unha, fotografar e muito menos escrever aqui. Mas continuo doida por esmaltes e fiquei apaixonada por esse tom de azul que a Risqué lançou.


O Pirulito Língua Azul é da coleção "Eu Era Feliz e Sabia!" da Risqué, que foi lançada para primavera/verão 2017 (que já está chegou ao fim hehe) e nos remete a coisas boas da infância. O Pirulito Língua Azul é um azul diferente, nem muito escuro nem muito claro e é metálico, mas um metálico discreto. Ele tem boa cobertura, usei duas camadas e foi tranquilo para limpar.


Como eu gosto muito de unhas diferentes eu fiz uma filha única com o esmalte Nigth Life da coleção Hollywood Boulevard da Beauty Color, que é um tom de prata envelhecida e na embalagem diz que tem pó de prata mesmo! Se tem, não sei mas a cor é linda de viver. Esse também teve boa cobertura e cobriu com duas camadas.


Para finalizar passei o meu novo queridinho, o extra brilho da Colorama.

O que achou da combinação?

Beijocas e até a próxima!!!





quarta-feira, 22 de março de 2017

Vida de casada: O último presente


Oi, menina! ♥

Tenho uma amiga muito querida que sempre diz que eu tenho que testemunhar mais as maravilhas de Deus na minha vida, sobretudo desde que me casei. Falar sobre as dificuldades e os milagres que o Senhor opera na minha casa, às vezes pode ser difícil, sobretudo porque não sei se as leitoras vão compreender a dimensão da ação de Deus na minha vida conjugal. Em 4 anos, marido e eu já passamos por cada coisa... doença, dificuldades financeiras, ciúmes, desentendimentos e tantas outras coisas. Mas sempre pudemos contar com a misericórdia de Deus.

Uma das coisas que mais gosto de contar, aconteceu na nossa segunda semana de casados, ao chegarmos da nossa lua de mel. Nós havíamos viajado no dia seguinte à cerimônia, bem cedinho e minha irmã e sobrinhos nos fizeram o favor de carregar todos os presentes do estacionamento do nosso prédio até o nosso apartamento. Três andares, sem elevador - irmã e sobrinhos, se nunca agradeci o suficiente por essa prova de amor... OBRIGADA! -, eles deixaram as caixas e embrulhos no quarto, bem no cantinho.



Ao chegarmos de viagem, cansados, mas felizes, começamos a desfazer as malas. Numa hora a fome bateu e aí precisamos cozinhar. O problema é que não havíamos comprado nada para a casa. Sabe, nada? Nada mesmo! Não tínhamos dinheiro sobrando, a cerimônia e recepção da festa foram todas pagas na graça, com marido trabalhando em dois empregos e eu fazendo uns trabalhos de blogueira por fora do Vai Garota!, além do meu salário do emprego formal. Muitos amigos ajudaram como puderam e os nossos padrinhos e parentes foram maravilhosos, nos dando aquelas coisas mais caras como máquina de lavar, cama, fogão e geladeira. Até a viagem de lua de mel foi presente.


Pois bem... começamos a desenrolar os embrulhos e com muita alegria descobrimos o quanto nosso convidados foram generosos. Recebemos tudo que uma casa precisa. Da lixeira do banheiro ao amassador de alho. Só faltava uma coisa: panelas. Imagina? Ganhamos todos os utensílios de uma casa, mas não havia panela para cozinhar, nem de pressão, nem pequena, nem grande. Pra não ser injusta, no chá de panela ganhamos 3 frigideiras de tamanhos diferentes. Mas imagina fazer arroz na frigideira?

Quando restavam três presentes da pilha para abrir, falei com marido que estava preocupada. De onde iríamos tirar dinheiro para comprar um conjunto de panelas? Já estava quase chorando quando chegamos na última caixa. Era grande e pesada...


E dentro dela haviam várias panelas, de tamanhos e utilidades diferentes! Você, leitora, não pode medir a felicidade, gratidão e alívio que foi abrir aquela caixa. Eu sei que foi meu tio quem nos presenteou, mas não posso deixar de agradecer também a Deus por ter tocado em seu coração para nos dar logo aquele presente. Eu nem sei se meu tio tem ideia de como aquele último presente da pilha foi especial, foi querido, foi festejado. Obrigada, tio Bel. E obrigada, Senhor!

A vida de casados não é sempre amor e beijinhos. Tem muita luta e lágrimas. Algumas são de felicidade, outras de tristeza e por fim até mesmo de raiva e frustração, mas...
''O Senhor teu Deus enxugará as lágrimas dos seus olhos, não haverá nem morte, nem choro, nem luto, nem grito, nem dor, porque essas coisas terão passado.''  Ap 21.4


Hoje em dia, sempre vou à cozinha preparar nossas refeições muito alegre e sorridente, com direito à dancinha



Beijo beijo;





segunda-feira, 20 de março de 2017

Eu Testei: Creme de Pentear Milagre! - Lola Cosmetics


Oizinho, gata-garota!

Fico tão feliz com a evolução do mercado de produtos para cabelos cacheados no Brasil. Antigamente haviam poucas opções de finalizadores, nenhum umectante e gelatinas só eram usadas como sobremesa. *rsrs* Tenho testado  muita coisa fantástica nos últimos meses e, aos poucos, vou trazendo as resenhas para dividir minhas experiências. Hoje é a vez do Creme de Pentear Milagre!.


Apresentando: Creme de Pentear Milagre!. Peso: 1kg. Fabricante: Lola Cosmetics. País de origem: Brasil.

Preço? R$ 56,99 na loja virtual Casa Nostra Cosméticos.

Modo de usar?  Lave os cabelos com shampoo de sua preferência. Aplique uma quantidade generosa de Milagre! uniformemente nos cabelos úmidos, da raiz às pontas. Enxágue e modele como de costume ou deixe secar naturalmente. O uso da escova e piastra otimiza os resultados. Se desejar, use sem enxague para controle de volume e brilho. *Informações retiradas do site do fabricante.

O que promete? Para fios desnutridos, e não só, use Milagre! para tratar seus cabelos cruelmente maltratados! Creme de pentear que deixa os cabelos fáceis de desembaraçar, hidratados e com brilho intenso. Perfeito por ser leve e não oleoso, Milagre! é ideal para ser usado como tratamento diário. Com manteiga de karité, água de coco, baunilha, frutas cítricas e benjoim doce. *Informações retiradas do site do fabricante.

Minha avaliação: Considero mais como um finalizador do que um creme de pentear.


Um quilo de um creme leve e muito muito muuuito cheiroso. A embalagem do Milagre! é mais como a das máscaras de hidratação que estou acostumada a usar. É preciso estar sempre com uma colher à mão para retirar a quantidade suficiente para cada aplicação, pois colocar os dedos lá dentro pode levar à oxidação do produto.


A embalagem pode não ser muito prática, mas adorei a quantidade que vem. Fazem muitos meses (quase um ano) que estou usando e agora que passei da metade. Sem falar que é um potinho lindo, né? A Lola sempre nos presenteia com embalagens lindas demais. O problema é só quando viajo, pois aí tenho que passar o creme para alguma embalagem menor e que facilite o uso, como as que vem com bico dosador.


O produto em si é um creme branco não muito consistente, mas também não muito líquido. Textura certa para um creme de pentear. Ele tem umas bolinhas (que não sei o que é nem para que serve), como dá para ver na foto, mas isso some no cabelo. Não é preciso pânico!

Importante lembrar que: a fórmula é livre de parabenos, produtos de origem animal, óleo mineral e sal. A marca não testa em animais.


É, como já disse acima, muito cheiroso. Trata-se de um floral muito suave e nada enjoativo.

Aqui o cabelo secando

A Lola indica o uso do Milagre! como máscara, como condicionador (se enxágua, pra mim é condicionador) ou como creme de pentear. Admito que nunca usei como máscara ou condicionador porque tenho outras máscaras - até mesmo da Lola Cosmetics - e cremes para esses fins. Como creme de pentear, eu acho meio complicado. Ele não deixa a escova deslizar direito, fica travando. Então, uso qualquer outro creme de pentear que deixe o cabelo mais "derretido" e maleável (pouca quantidade), penteio os fios e depois aplico o Milagre! em toda a extensão. O resultado?


Cachinhos muito definidos e com um brilho lindo. Dá uma segurada legal no frizz e não fica nada fora do lugar.


Eu simplesmente adoro o jeito como meus cachos ficam separadinhos, soltos, com volume e movimento. A-D-O-R-O!!!

E é isso. Apesar de usar de forma um tanto diferente do recomendado, o resultado é maravilhoso. Quatro "Gigis-love" e descontei uma apenas pela embalagem nada prática. O produto em si é mara!


Você já conhecia esse Milagre!? Me conta aí o que achou da resenha.


Beijo me twitta;





sexta-feira, 17 de março de 2017

Esmaltando: Nicaya


Oi, amada! Gosta de esmalte roxo? Eu adoro! Hoje vim aqui te mostrar essa esmaltada diva que usei um tempo atrás. É um esmalte cremoso com uma pegada neon, esse tom é bem bonito e gosto muito (é Hélen você sempre gosta de todos que postou até agora). Sim, é muito difícil achar um tom de esmalte que eu não goste.


Essa é uma marca nova, que tem uma qualidade incrível, mas em contra partida é meio cara. R$ 19,90 por vidrinho! Pois é... tem esmaltes mais baratos no mercado por aí. Usei duas camadas que ficaram ótimas e também usei extra brilho. 

Não sai sem contar o que achou heim! 

Beijos Beijos




quarta-feira, 15 de março de 2017

Na Netflix: The Ultimate Beastmaster Brasil


Hey garota!

O carnaval aqui em casa foi bastante animado: da cama para a cozinha, da cozinha para a cama, muitas horas na frente da TV assistindo Netflix. Daí marido resolveu assistir à esse lançamento, o Ultimate Beastmaster. Eu estranhei no começo e achei que iria odiar (marido tem um histórico péssimo de escolhas de programas), mas acabei super empolgada, torcendo e gritando feito uma louca pelas madrugadas.

Com produção de Sylvester Stallone e Dave Broome (O Grande Perdedor, Quem Perda Ganha), a Netflix anuncia "Ultimate Beastmaster", sua série de "competição esportiva". (Filmes Netflix)


Trata-se de uma competição entre seis países: Brasil, Coreia do Sul, EUA, México, Alemanha e Japão. A apresentação geral do programa está a cargo do Stallone, mas cada país tem seus próprios apresentadores - ou melhor, comentaristas - que vão narrando as atividades, explicando as provas e, claro, torcendo por seus compatriotas.


Para o Brasil, foram escolhidos a lenda do MMA, Anderson Silva, e o comediante Rafinha Bastos. Mas não torça o seu nariz para esses dois, cara leitora. Foi um erro que cometi. Achei que não ia dar certo, visto que o Anderson é um atleta e o Rafinha Bastos um conhecido chato (sem galochas!). Mas quebrei a minha cara feio. Fui conquistada pela zueira (BR huehue), piadinhas infames e pela união desses dois contra os competidores e apresentadores dos EUA e Alemanha.


Não pude odiar com total força os comentaristas dos EUA por motivos de "Fala sério, é o Terri Crews e uma loirinha muito bacana!".


E quando não estava torcendo pelos brasileiros, geralmente estava apoiando os coreanos, apenas porque os apresentadores eram esses dois malucos que faziam "dancinha feliz" o tempo todo.

Apresentadores-comentaristas: Coreia do Sul, Alemanha, Brasil, EUA, Japão e México
Mas o que importava mesmo era zoar os alemães! hehehe.

Voltando para a competição...


O programa leva o nome Ultimate Beastmaster por causa da pista de obstáculos, que é em formato de uma besta. Seria um dragão ou uma serpente marinha, algo bem assustador.


São quatro fases em cada programa que exigem força, equilíbrio, resistência, flexibilidade e algumas outras habilidades específicas, como escalada. São provas como pular em objetos suspensos ou em movimento, cama elástica, alcançar plataformas altas, subir em tubos apertados e escorregadios, tirolesas, se locomover por cordas e outros desafios.


Em cada episódio entram 2 representantes de cada país, ou seja, 12 participantes. Cada fase vai eliminando os que se saíram pior, levando em conta a distância que o atleta conseguiu chegar, os pontos que fez (são diversos os locais em que se pode conseguir pontos extras) e o tempo que levou para percorrer. E a disputa é feroz! Teve muita gente que não conseguiu sequer chegar na segunda parte da primeira fase. No final, apenas 2 chegam à última fase, resolvida numa escalada louca com pontos que devem ser alcançados. Vence quem consegue pegar mais pontos.


Não é para qualquer um não!


São muitas as quedas, mergulhos, pancadas e decepções em todos os episódios.

Cada episódio tem um vencedor, que leva 10 mil doletas. No 10º episódio, esses vencedores se enfrentam para levar o prêmio de 50 mil doláres.

Sem troféus por participação
Ultimate Beastmaster - "Sem troféus por participação"
Não vou estragar a surpresa e dizer se o Brasil vai ou não se sair bem nessa competição. Você vai ter que assistir para ver com seus próprios olhos. Só vou dizer que é tudo muito frenético e cheio de emoção. Gostei, pulei, gritei, fiquei completamente chocada, em algumas partes decepcionada e em outras rouca de tanto gritar. É aventura sem sair do sofá!

Espero que tenha ficado curiosa e resolva dar uma chance à esse original Netflix. Por hoje é só!




Abraço apertado e beijo carinhoso;





Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...